Imagens

Palestras Educação a Distância Futuro Autógrafos Comes & Bebes João Mattar Sampa

Livros



Haverá diversas sessões de autógrafos durante a VII Jornada Educação a Distância - confira!


Autógrafo

Design Educacional: 
educação a distância na prática
João Mattar


MATTAR, João. Design educacional: educação a distância na prática. São Paulo: Artesanato Educacional, 2014.


As novas Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs) têm provocado mudanças significativas na educação. Uma dessas mudanças é o desenvolvimento da Educação a Distância (EaD), que tem criado novos personagens, como os tutores. Este livro explora as características e funções de um desses novos personagens, o Designer Educacional, defendendo uma educação aberta e flexível.

Quais as diferenças entre design educacional e instrucional? Que contribuições os games podem trazer à educação? Quais são as etapas do design educacional? Como podemos incorporar Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVAs), redes sociais e aplicativos para dispositivos móveis ao processo de ensino e aprendizagem? O que significam princípios multimídia? Como trabalhar elementos visuais no ensino, como imagens, gráficos e tabelas? O que significam design de atividades e de interações? Como avaliar com as TICs? Essas e outras questões são exploradas neste livro.


Autógrafo

Web 2.0 e Redes Sociais na Educação
João Mattar



MATTAR, João. Web 2.0 e redes sociais na educação. São Paulo: Artesanato Educacional, 2013. ISBN 978-85-64803-00-8.


Facebook, YouTube, Twitter, Wikipédia, games, mundos virtuais 3D, smartphones, tablets... Esses são o habitat das novas gerações. Escolas, universidades e empresas estariam preparadas para utilizar adequadamente a interação e a colaboração na Educação?

Este livro explora o desafio de integrar ferramentas, plataformas e interfaces da Web 2.0 e das redes sociais ao processo de ensino e aprendizagem de nativos digitais. Teorias tradicionais e contemporâneas, como o conectivismo, são entrelaçadas para fornecer suporte a alunos, professores, pais e instituições nessa jornada. Para além da teoria, o livro analisa diversos casos, como o uso de wikis e os primeiros MOOCs em Língua Portuguesa.

Embarque nesta viagem virtual!


Autógrafo

Tutoria e Interação em Educação a Distância
João Mattar


MATTAR, João. Tutoria e interação em educação a distância. São Paulo: Cengage, 2012.

Tutor é um personagem recente na história da educação brasileira. Institucionalizou-se não só na educação pública na Universidade Aberta do Brasil, como também em instituições de ensino superior privadas e na Educação a Distância (EaD) profissional e corporativa.

Esta obra tem como objetivo reinterpretar a atuação do tutor como docente e, simultaneamente, oferecer subsídios para o trabalho do professor em EaD. Para isso, o texto apresenta uma reflexão sobre a atuação desse profissional e o suporte para desenvolver atividades com qualidade e criatividade.

Ao longo do texto o leitor terá acesso a tópicos como conectivismo, ambientes virtuais de aprendizagem (Moodle), plataformas da web 2.0 e redes sociais, atividades síncronas e assíncronas e outros. Tutoria e Interação em Educação a Distância, além de ser uma ferramenta útil para quem tem interesse em conhecer o mundo da EaD, traz um material de reflexão e prática sobre uma atividade essencial na EaD: a mediação pedagógica.




Design Thinking na Educação Presencial, a Distância e Corporativa
Andrea Filatro e Carolina Costa Cavalcanti


CAVALCANTI, Carolina Costa; FILATRO, Andrea. Design thinking na educação presencial, a distância e corporativa. São Paulo: Saraiva, 2017.

A abordagem “Design Thinking” se apresenta como metodologia para viabilizar e promover as tão desejadas inovações no campo educacional. Fundamenta-se num tipo de pensamento que usa o design como ferramenta para a solução de problemas de forma criativa, sistêmica e colaborativa. Aplicada com êxito em universidades como Stanford, MIT, USP, ESPM, FGV, FIA e adotada com sucesso em empresas do Vale do Silício como Apple, IBM e Google para a geração de novos produtos, processos e serviços, vem conquistando cada vez mais adeptos também na educação básica e superior presencial, na educação a distância e na educação corporativa.



Educar na Era Digital: design, ensino e aprendizagem
Tony Bates

BATES, Tony. Educar na era digital: design, ensino e aprendizagem. São Paulo: Artesanato Educacional, 2016. 

Grandes mudanças econômicas e tecnológicas exigem novas abordagens para o ensino superior. Os professores são continuamente confrontados com várias questões: 
Como ensinar de forma eficaz alunos cada vez mais diversificados? 
Como motivar e apoiar os alunos em turmas cada vez maiores?
Como usar multimídia e outros recursos para desenvolver cursos de qualidade superior? 

Os 12 capítulos, além dos apêndices, atividades e diversos cenários deste livro respondem a essas e outras perguntas e fornecem dicas e sugestões úteis sobre uma variedade de tópicos, incluindo: 
Como selecionar a modalidade para suas disciplinas e seus cursos — presencial, híbrida ou totalmente online? 
Que estratégias funcionam melhor para o ensino em um ambiente rico em tecnologia? 
Que métodos de ensino são mais eficazes para cursos híbridos e online?
Como fazer escolhas adequadas para estudantes e conteúdos dentre diversas mídias disponíveis: texto, imagem, áudio, vídeo, computação ou mídias sociais? 
Como manter a qualidade do ensino, da aprendizagem e dos recursos em um ambiente de aprendizagem que muda rapidamente? 
Quais são as possibilidades reais de ensino e aprendizagem usando MOOCs, REAs e livros abertos? 

Tony Bates compreende e respeita a natureza individual da educação. Neste livro, explora teorias, boas práticas e estratégias, fornecendo orientações e aconselhamentos claros, práticos e viáveis, baseados em pesquisa e considerável experiência profissional em 30 países. 

Tony Bates é uma referência mundial em educação a distância e tecnologia educacional, tendo escrito outros 11 livros sobre o tema. Seu blog Online Learning and Distance Education Resources (tonybates.ca) é um dos mais importantes na área. Atuou por mais de 20 anos na Open University do Reino Unido e foi Diretor de Educação a Distância e Tecnologia na University of British Columbia (Canadá), dentre outras atividades. Prestou consultoria para diversas instituições, como Banco Mundial, Unesco e OCDE, além de inúmeras universidades e agências governamentais ao redor do mundo. Desde 2007, é pesquisador associado da Contact North. Em 2014, Bates interrompeu seu trabalho remunerado para escrever este livro.



Produção de Conteúdos Educacionais
Andrea Filatro e Sabrina Cairo


FILATRO, Andrea; CAIRO, Sabrina. Produção de conteúdos educacionais. São Paulo: Saraiva, 2015.

Com Andrea Filatro como principal autora, este livro trata da produção de conteúdos didáticos para as novas modalidades de ensino, em especial a educação a distância -- um segmento que vem crescendo a cada ano. Entendendo que essa produção é multidimensional, ele mostra como os profissionais das áreas de educação, comunicação, tecnologia e gestão podem se unir para desenvolver conteúdos que realmente façam diferença no processo de ensino/aprendizagem, muitas vezes aproveitando processos já conhecidos e dominados pelo campo editorial. Para tanto, em seus 15 capítulos, o livro é organizado em três grandes partes: (1) framework teórico, que organiza os conceitos e princípios essenciais relativos à produção de conteúdo nas cinco grande dimensões que compõem o tema (tecnocientífica, pedagógica, comunicacional, tecnológica e de gestão); (2) gestão da produção, que explora a gestão de projetos (custos, prazos, administração de pessoas etc.), o design instrucional (método para desenvolvimento de soluções educacionais) e, consequentemente, o plano do projeto; (3) atividades de produção, que mergulha nas atividades essenciais da produção de conteúdos (autoria, roteirização, avaliação etc.).



Competências em Educação a Distância
Patrícia Behar


BEHAR, Patricia Alejandra (Org.). Competências em educação a distância. Porto Alegre: Penso, 2013.

O que significa ser competente? E quais são as competências necessárias a alunos, professores, tutores e gestores para atuar na educação a distância?

Neste livro, competência é definida como a combinação de três fatores: Conhecimentos, Habilidades e Atitudes (CHA), mobilizados por elementos-chave, alguns deles descritos na obra. É com base nessa tríade e nesses elementos que são discutidos os pressupostos teóricos, tecnológicos e metodológicos das competências na perspectiva da educação a distância.



Educação Musical a Distância
Daniel Gohn


GOHN, Daniel Marcondes. Educação musical a distância: abordagens e experiências. São Paulo: Cortez, 2011.

Neste livro o autor investiga processos de ensino e aprendizagem da música que ocorrem sem que professor e aluno dividam um mesmo espaço tempo- físico. Partindo de uma comparação com obras de ficção científica e chegando nas recentes possibilidades criadas pela internet, o autor dá exemplos de cursos on-line de música, apontando especificidades para diferentes áreas do estudo musical. Experiências no curso de Licenciatura em Educação Musical da UAB-UFSCar são detalhadas, tendo como foco central uma disciplina que trabalha com instrumentos de percussão. O livro é destinado a pesquisadores e professores com interesse nas artes e na educação a distância, assim como a estudantes e profissionais de áreas relacionadas à música, buscando novos caminhos para a educação musical.


Autógrafo

Games em Educação:
como os nativos digitais aprendem
João Mattar


MATTAR, João. Games em educação: como os nativos digitais aprendem. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2010.

Você já pensou em ensinar história com um game como o Age of Empires? E geografia com Carmen San Diego? Aliás, você usa games na educação? Se você já chegou nessa fase, este livro é uma excelente oportunidade de aprofundar seu conhecimento sobre o assunto. Se não, o que está esperando para ler Games em educação? Aperte o start! Comece!

Com esta obra de João Mattar, você vai aprender a aproveitar os recursos de vários jogos em benefício do processo de ensino/aprendizagem. Além disso, vai conhecer o estilo de aprendizagem dos nativos digitais e descobrir como utilizar e criar games educacionais.

Destinado a professores e gestores das mais diversas áreas, bem como a profissionais envolvidos com ensino corporativo, este livro deixa claro que, quando o assunto é educação, não há game over.



Design Instrucional na Prática
Andrea Filatro


FILATRO, Andrea. Design instrucional na prática. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2008.

O notável crescimento da educação a distância nos últimos anos trouxe um desafio para todos os envolvidos nessa revolução: planejar, desenvolver e implementar cursos voltados especificamente para o aprendizado eletrônico. Esse desafio torna-se mais complexo por exigir o desenvolvimento e a aplicação de competências totalmente diferentes das requeridas pelo modelo presencial tradicional - competências estas regidas pela área de design instrucional.

Design Instrucional na Prática tem como objetivo ajudar o leitor a entender o que é design instrucional e seu papel na elaboração de um curso on-line. Para tanto, apresenta o processo do design instrucional passo a passo e mostra como ele trabalha para unir educação, tecnologia, comunicação e gestão em um único campo do conhecimento.

Além disso, a fim de ser um verdadeiro guia, este livro destaca todos os aspectos do design instrucional em um curso on-line. Assim, tópicos como construção de roteiros e storyboards, design de conteúdos multimídia, design de interação e design de ambiente virtual ganham vida por meio de exemplos práticos e dicas valiosas.

Dirigido para todos que estão ou que pretendem estar envolvidos com educação a distância, este livro é indispensável na estante daqueles que estão conectados com o mundo e que acreditam nas infinitas potencialidades do aprendizado eletrônico.



Educação a Distância e eLearning na Web Social
J. António Moreira, Daniela Melaré e Angélica Monteiro (Org.)


MOREIRA, J. António; MELARÉ, Daniela; MONTEIRO, Angélica (Org.). Educação a distância e elearning na web social. São Paulo: Artesanato Educacional, 2014.

Num momento historicamente marcado por intensas transformações mundiais, este livro traz elementos, ideias, conceitos e expressões-manifestações atuais para o campo educacional e, fundamentalmente, faz um convite ao diálogo sobre a Educação contemporânea. As tendências recheiam-se de artefatos e espaços: gamificação, plataformas digitais, comunicação por nuvem, celulares, smartphones, tablets e paredes holográficas, inteligência artificial, redes sociais, dispositivos móveis; geolocalização, conteúdo aberto, REA (Recursos Educacionais Abertos), MOOC (Cursos Online Abertos e Massivos), POMAR (Percursos Online Massivos Abertos e Rizomáticos), aplicações semânticas, software livre, hibridização, Educação Aberta, docência online, redes rizomáticas, linguagem emocional, mediação partilhada, interatividade etc., nomeiam e sinalizam as transformações socioeducacionais.



Estilos de Aprendizagem e o uso das Tecnologias
Daniela Melaré


MELARÉ, Daniela. Estilos de aprendizagem e o uso das tecnologias. São Paulo: Artesanato Educacional, 2014.

Muito se tem dito sobre as potencialidades da utilização educativa das novas tecnologias, designadamente por poderem permitir ir ao encontro de necessidades e características específicas dos estudantes que a elas recorrem, cada vez com maior preponderância. Mas importa saber mais sobre como explorar adequadamente este potencial. A investigação sobre estilos de aprendizagem tem permitido identificar as abordagens ao conhecimento que melhor se adaptam a estes diferentes estilos, apresentando especial pertinência em contextos de aprendizagem online. Considerar estes diferentes estilos e as diferentes abordagens ao conhecimento que se requerem por parte de professores e formadores constitui, para diversos autores, a chave do sucesso nestes espaços virtuais de aprendizagem, sobre os quais muito há a investigar. O texto que Daniela Melaré Vieira Barros aqui nos apresenta constitui, pois, um contributo especialmente relevante neste âmbito. Nele se cruzam perspectivas e contributos de diferentes áreas do saber, permitindo clarificar conceitos, sistematizar conhecimento produzido neste domínio e promover uma reflexão fundamentada, importante para todos aqueles que se interessam por aprofundar conhecimentos em pedagogia do e-learning, tendo em vista desenvolver a versatilidade e qualidade destes novos contextos de aprendizagem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário